Vidya de estagiário_

Angélica Letícia Mancini

Graduada pela FCFRP-USP

Estágio pelo serviço de análises clínicas da FCFRP-USP

Entrevista

Onde realiza/realizou o Estágio? Em qual setor?

"Realizo o estágio do Serviço de Análises Clínicas, que fica na Faculdade de Ciências Farmacêuticas de Ribeirão Preto, onde carinhosamente apelidamos de SAC. Aqui no SAC, há sete setores: Bioquímica, Hematologia, Citologia, Microbiologia, Parasitologia, Hormônios/Imunologia, e Apoio. Como meu estágio durará um ano, eu fui convidada a ficar cerca de seis semanas em cada setor e auxiliar os setores que mais precisarem. Por enquanto, já passei pela Bioquímica, Hematologia, Parasitologia e Apoio, sendo que as funções desse último é realizada por todos os estagiários."

O que te levou a escolher estagiar nesta área? E neste lugar?

"Desde o Ensino Médio, eu sempre gostei da área de Análises Clínicas. No meu primeiro ano de graduação, fiz um mini-estágio no laboratório municipal de minha cidade, onde pude ter certeza que era realmente o que eu queria. Agora que preciso fazer o estágio curricular obrigatório, não pensei duas vezes em fazê-lo nas Análises Clínicas. O que me levou a escolher o SAC foi a diversidade dos exames realizados, competência dos técnicos e facilidade para chegar até o local, já que eu estagio durante o dia e estudo a noite."

Como foi o Processo Seletivo? Exigiu algum conhecimento além da graduação?

"Não exigiu nenhum conhecimento além da graduação, mas exigiu que eu revesse muitos conceitos aprendidos durante agraduação que muitas vezes, por descuido, não lembramos. Revi alguns tópicos da disciplina de Fisiopatologia de Doenças Metabólicas e Hematológicas, ADDHIME, Bioquímica I e II, e Parasitologia. Fiquei feliz pois a graduação me deu um bom embasamento teórico para o estágio. Não houve processo seletivo propriamente dito; as vagas foram preenchidas de acordo com o número de alunos interessados. "

Houve dificuldades no estágio?

"Senti um pouco de dificuldade na realização da parte prática, pois, nas aulas, não temos tempo suficiente para sair aptos a realizar tais funções quando necessário. Por exemplo, eu cheguei no SAC sem saber fazer um esfregaço sanguíneo, sem saber a fazer a desinfecção de materiais biológicos, sem saber encontrar um parasita em uma lâmina parasitológica. Porém, os técnicos são muito atenciosos e não medem esforços para que aprendamos. "

Existe outro setor de atuação ao farmacêutico em seu estágio além do setor no qual você já está estagiando?

" De acordo com a Resolução CNE/CES 02 de 2002 do Conselho Federal de Farmácia, o Farmacêutico pode atuar em todas as subáreas das análises clínicas. Sendo assim, o Farmacêutico pode atuar em todos os setores do SAC. Atualmente, somente as técnicas responsáveis pelo Setor de Citologia, Microbiologia e Hormônios são farmacêuticas, além da Profa. Dra. Elisa Russo, docente responsável pelo laboratório. As demais técnicas do SAC são biomédicas."

Quais as experiências e conhecimento adquirido nesse estágio?

" Aprendo muito sobre como realizar e interpretar os exames laboratoriais, sobre Boas Práticas de Laboratório, Normal de Segurança, Ética e sigilo quanto a resultados dos pacientes, que são aprendizados que levarei para toda a vida profissional.

Aprendi também a trabalhar em equipe e a conviver com diferenças. Aprendi a importância do respeito mutuo e de como o trabalho de diferentes pessoas devem somar no resultado final, e não dividir.

Acima de tudo, pude ter a certeza do quanto gosto e quero trabalhar com Análises Clínicas."

Conte sobre sua rotina

"Meu horário de estágio é das 09h30min às 17h00min de segunda a quinta-feira, e das 08h00min às 12h00min na sexta-feira, totalizando 30 horas semanais. Aqui, fazemos os exames de pacientes que colhem o material biológico no próprio SAC e de mais oito postos de saúde da Prefeitura de Ribeirão Preto. As amostras biológicas dos postos chegam por volta das 10 horas. Nós, juntamente dos técnicos, separamos as amostras e as identificamos. Os estagiários observam os técnicos a fazer os exames propriamente ditos e os auxiliamos onde for possível. Na parte da tarde, quando os técnicos já finalizam seus trabalhos, os estagiários lavam as vidrarias utilizadas e recolhem o lixo biológico; esse serviço é realizado por todos no Setor de Apoio."

Quer compartilhar sua experiência como estagiário também? preencha o formulário a seguir